Publicidade
Início Newsletter Eutelsat confirma fim de operação do Eutelsat 113 após anomalia

Eutelsat confirma fim de operação do Eutelsat 113 após anomalia

Simon Lambert/Divulgação Eutelsat

O Grupo Eutelsat confirmou na última sexta-feira, 2, que encerrou as operações do satélite Eutelsat 113 West A após uma anomalia ocorrida no dia 31 de janeiro.

Lançado em 2006 e operando em órbita inclinada na posição 113° Oeste, o artefato fornecia cobertura de bandas C e Ku nas Américas, atendendo clientes com vídeo, dados e serviços governamentais com 18 transponders operacionais. O satélite não atendia o Brasil.

Ações de mitigação estão em curso para minimizar o impacto para os clientes afetados, incluindo a transferência acelerada para os satélites localizados nas posições 115° e 117° Oeste, segundo a companhia.

Notícias relacionadas

“As equipes do Grupo Eutelsat estão empregando todos os esforços possíveis para mitigar as potenciais consequências adversas na segurança orbital”, completou o grupo.

Aproximando-se do fim de sua vida útil, o satélite não tinha mais cobertura pela apólice de seguro In Orbit. Antes do plano de mitigação, o impacto nas receitas ocasionado pela indisponibilidade do satélite foi de cerca de 3 milhões de euros no exercício fiscal de 2024 e de 5 a 6 milhões de euros por ano no exercício fiscal de 2025-2028. Mas o ocorrido não altera os objetivos financeiros para o ano fiscal de 2024, informou a operadora.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile