Criada joint-venture global de gerenciamento de terminais, a Gema

Seis empresas de diferentes países especializadas em gerenciamento corporativo de telefones móveis (MDM, na sigla em inglês) se uniram para formar uma joint-venture internacional, batizada como Global Enterprise Mobility Alliance (Gema). "É como a Star Alliance do setor aéreo", comparou Roberto Dariva, presidente da Navita, empresa brasileira que faz parte da Gema. Os outros membros são a norte-americana Vox Mobile, a inglesa Berkeley, a australiana MSC, a alemã Schiffle e a belga GPXS. Em breve, a EMS, que atua no Oriente Médio, será a sétima integrante. A expectativa é de que a Gema some este ano US$ 75 milhões em vendas e 780 mil terminais gerenciados de 3,1 mil companhias.

Notícias relacionadas
Cada membro da Gema tem hoje uma atuação regional em seus continentes de origem. O problema é que entre os seus clientes há multinacionais, com funcionários que viajam o mundo inteiro levando telefones celulares corporativos em seus bolsos. Realizar o gerenciamento de terminais no exterior é difícil e custoso. A proposta da Gema é justamente formar uma aliança, em que uma empresa ajuda a outra na prestação do serviço no exterior. A ideia começou a ser discutida no ano passado e agora, em Barcelona, aproveitando o Mobile World Congress, os membros fizeram uma série de reuniões para definir os padrões de integração entre seus serviços e anunciaram o lançamento comercial da joint-venture, na qual todos têm participação igualitária. Na prática, a maior parte da receita de cada contrato continuará com a empresa que conquistar o cliente e haverá um preço de tabela para contratar a ajuda de parceiros internacionais membros da Gema quando necessário, explica Dariva. A Navita tem entre seus clientes, por exemplo, a Gerdau e a Votorantim.

Por enquanto, a Gema oferece mundialmente os serviços de MDM, provisionamento e treinamento. Em uma segunda fase do projeto, serão acrescentados serviços de administração de gastos telefônicos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.