OUTROS DESTAQUES
Mercado
Société Mondiale reduz participação na Oi
segunda-feira, 22 de janeiro de 2018 , 20h17

A Oi informa por meio de fato relevante que recebeu comunicação da Société Mondiale, controlada pelo grupo de Nelson Tanure, registrando a diminuição da sua participação acionária na operadora, de 5,28% do capital total para 3,67%. A Société era uma das principais opositoras ao plano de recuperação judicial aprovado no final do ano passado pela Justiça do Rio de Janeiro e, apesar de ter recorrido contra a modelagem da proposta de recuperação, não teve até o momento nenhuma decisão judicial favorável. A empresa informa também que não é titular ou beneficiária de nenhum bônus de subscrição ou opção de compra de ações que ao promover a diminuição de participação, nem celebrou nenhum tipo de contrato de direito de compra e venda de ações. VEja a íntegra do comunicado da Société:

"O SOCIÉTÉ MONDIALE FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES, inscrito no CNPJ sob o nº 20.588.268/0001-01 ("Fundo"), informa que reduziu, em 19/01/2018, sua participação no capital social da Oi S.A. – em Recuperação Judicial ("Companhia") de: (i) 43.637.500 Ações Ordinárias, equivalente a 6,53% das Ações Ordinárias emitidas pela Companhia para 30.306.300 Ações Ordinárias, equivalente a 4,54% do total de ações Ordinárias emitidas pela Companhia, totalizando a redução de 5,28% do capital social para 3,67%. O Fundo declara que referida redução não tem o objetivo de alterar a composição do controle ou estrutura administrativa da Companhia; bem como comunica que (i) não é titular ou beneficiário de qualquer bônus de subscrição, direitos de subscrição de ações, opções de compra de ações e debêntures conversíveis em ações emitidas pela Companhia; e (ii) não firmou acordo ou contrato regulando o exercício do direito de voto ou a compra e venda de valores mobiliários de emissão da Companhia.
Atenciosamente,
SOCIÉTÉ MONDIALE FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES
Representado por Bridge Administradora de Recursos Ltda" 

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top