OUTROS DESTAQUES
Políticas de comunicação
Comissão organizadora da Confecom se reúne com ministros nesta terça
segunda-feira, 19 de outubro de 2009 , 18h48 | POR MARIANA MAZZA

Está agendada para essa terça-feira, 20, uma reunião da comissão organizadora da 1ª Conferência Nacional de Comunicação (Confecom) com a cúpula ministerial responsável pelo evento. A reunião da comissão deveria ter ocorrido na última quinta, 15, mas foi adiada para esta semana para que houvesse a possibilidade de os ministros Hélio Costa (Comunicações), Luiz Dulci (Secretaria-Geral da Presidência) e Franklin Martins (Secretaria de Comunicação Social) estarem presentes. A participação dos ministros no encontro faz parte de uma estratégia para convencer a Telebrasil a manter-se na comissão organizadora.
Há três semanas, a Telebrasil comunicou ao Ministério das Comunicações sua intenção de sair do grupo por conta de dificuldades para preencher as mais de 400 vagas de delegados nas etapas estaduais da Confecom. O próprio ministro Hélio Costa admitiu que o governo está trabalhando para reverter a possibilidade de saída da associação que congrega as empresas de telefonia fixa e móvel do país em entrevista há duas semanas.
A preocupação é que a comissão acabe quase totalmente esvaziada pelas empresas, já que uma eventual saída da Telebrasil deixaria apenas a Abra (Radiodifusão) como associação empresarial participante da construção da conferência. A expectativa é que, juntos, os ministros Dulci, Martins e Costa consigam convencer as teles a continuar.
Etapas estaduais
Além de resolver mais um imbróglio sobre a participação das empresas – cabe lembrar que a maior parte das associações, sob o comando da Abert, abandonou a comissão organizadora no início dos trabalhos – a reunião de amanhã também tem questões práticas a deliberar. Uma delas é a possibilidade de extensão das etapas estaduais, já que a plenária nacional foi adiada em suas semanas, estando agora agendada para ocorrer de 14 a 17 de dezembro. Com isso, seria razoável ampliar em aproximadamente uma semana o período de debates nos estados.
A primeira pré-conferência terá início nessa sexta-feira, 23, no Paraná. Todos os estados já têm previsão de realização do debate local, mesmo aqueles que não fizeram sua própria convocação. Nesses casos, a comissão organizadora tratou de realizar um chamamento da sociedade e empresas para a etapa estadual. A maioria dos estados já, inclusive, marcou o início de seus eventos. Por enquanto, todas as pré-conferências devem ser realizadas até 8 de novembro. Veja abaixo a agenda das etapas estaduais fechada até o momento:
Acre – 30 a 31 de outubro
Alagoas – 5 a 7 de novembro
Amapá – 3 a 5 de novembro
Amazonas – data a definir
Bahia – 24 e 25 de outubro
Ceará – data a definir
Distrito Federal – 6 a 8 de novembro
Espírito Santo – 6 e 7 de novembro
Goiás – 1º a 3 de novembro
Maranhão – 4 a 6 de novembro
Mato Grosso – 29 a 31 de outubro
Mato Grosso do Sul – 8 de novembro
Minas Gerais – 29 a 31 de outubro
Pará – 39 a 31 de outubro
Paraíba – 5 e 6 de novembro
Paraná – 23 a 25 de outubro
Pernambuco – 6 a 8 de novembro
Piauí – 29 a 31 de outubro
Rio de Janeiro – 30 de outubro a 1º de novembro
Rio Grande do Norte – 5 a 7 de novembro
Rio Grande do Sul – data a definir
Rondônia – data a definir
Roraima – 5 e 6 de novembro
Santa Catarina – data a definir
São Paulo – 30 de outubro a 1º de novembro
Sergipe – 5 e 6 de novembro
Tocantins – data a definir

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top