OUTROS DESTAQUES
Tecnologia
Net Foz busca economia com vídeo sobre ADSL
sexta-feira, 16 de Maio de 2003 , 12h22 | POR SAMUEL POSSEBON

A Net Foz do Iguaçu explica que não pretende testar a tecnologia de vídeo sobre ADSL da Brasil Telecom com conteúdo não-autorizado. A Net Brasil, que licencia a programação para a operadora, está preocupada com essa possibilidade, segundo apurou este noticiário, e estaria proibindo a Net Foz de usar a programação por ela negociada. A idéia da Net Foz, entretando, é fazer os testes apenas com o conteúdo obrigatório a uma operadora de TV paga, como TV Câmara ou TV Senado, e mesmo assim com a autorização prévia da Net Brasil. Ainda não há nenhum teste em andamento, diz a operadora.
A Net Foz considera importante testar esta tecnologia pois ela significa uma possibilidade de otimização da infra-estrutura e redução de custos, já que seria possível utilizar a rede da empresa de telefonia, livrando assim a operadora de cabo dos gastos com cabeamento e postes. De qualquer maneira, a empresa tem consciência que a tecnologia só estará madura para uso em alguns anos e que os testes são preliminares.
Segundo a Net Foz, está tudo pronto para que a Brasil Telecom inicie os testes na cidade. Falta apenas a aprovação da Net Brasil em relação ao conteúdo. A operadora explicou para a Anatel o projeto de testes de vídeo sobre ADSL e recebeu manifestação positiva, já que a iniciativa representa justamente a otimização de infra-estrutura prevista pela Lei do Cabo e pela Lei Geral de Telecomunicações. Não há, também, competição desleal já que uma das operadoras de cabo em Foz do Iguaçu é justamente a Net Foz.
A Net Foz lembra ainda que desde o início a Brasil Telecom tem procurado operadoras de cabo para os testes (como aconteceu com a ViacaboTV em Itajaí/SC), justamente para deixar claro que a idéia é estabelecer parcerias e não canibalizar o mercado de TV paga. Foi esse, inclusive, o acerto entre a BrT e a ABTA firmado em outubro de 2002.

Entusiasmo

A Net Foz do Iguaçu iniciou suas operações há cerca de um ano, competindo na cidade com os serviços da TVA. Mesmo assim, a empresa está satisfeita com os resultados obtidos. Ainda não está operacionalmente no azul, mas está perto disso, segundo seus diretores. A programação Net Brasil, que até então só estava disponível pelo DTH, é o carro chefe das vendas da empresa. Os serviços de Internet são oferecidos há um ano, mas devem ganhar maior peso no marketing da operadora a partir de agora, depois dos últimos ajustes técnicos.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top