Netflix prevê desaceleração no crescimento da base

A expansão internacional e o lançamento de seu serviço em mais plataformas de exibição, entre consoles de games e TV conectadas, não foram o suficiente para garantir o ritmo de crescimento do Netflix. Esta semana, a empresa previu na divulgação de balanço uma desaceleração no crescimento de sua base de assinantes para o serviço de streaming nos próximos meses. Como resultado, as ações da Netflix caíram mais de 14%. O mercado esperava que a empresa desse uma referência de crescimento de cerca de 1,2 milhão de assinantes no trimestre, mas a empresa disse que esse número deve ficar entre 200 mil e 600 mil.

A companhia apresentou prejuízo, excluindo itens não recorrentes, de US$ 0,08 por ação no trimestre. No mesmo período do ano anterior, apresentou lucro de US$ 1,11 por ação. A receita da Netflix, no entanto, teve avanço de 21% saltando de US$ 719 milhões há um ano para US$ 870 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.