TIM busca empréstimo de R$ 4 bilhões com bancos

O conselho de administração da TIM aprovou a contratação de empréstimo no valor de R$ 4 bilhões com um ou mais bancos. Segundo ata da reunião do conselho divulgada na noite da quarta-feira, 24, a autorização tem validade para os próximos 12 meses, e podem ou não ocorrer, "a depender das condições de mercado".

A captação do montante será acompanhada de contratos de swap para proteção (hedge) para a cobertura de risco cambial e/ou de taxa de juros. Outras operações acessórias serão contratadas para efetivação desse empréstimo.

A TIM não informou o objetivo desse crédito, mas os conselheiros aprovaram também na ocasião a estratégia financeira apresentada pelo diretor financeiro e de relações com investidores, Adrian Calaza. O plano industrial para 2021 da empresa prevê Capex de R$ 4,4 bilhões, mas a operadora ainda ficará responsável pela maior fatia da Oi Móvel na compra em grupo com a Claro e Vivo: R$ 7,3 bilhões do total de R$ 16,5 bilhões pelo ativo inteiro.

Notícias relacionadas

1 COMENTÁRIO

  1. A Claro não pega empréstimo com nenhum banco , a claro tem um excelente modelo de administração , a claro não está na bolsa de valores , admiro muito empresa inteligente, a claro só tem um defeito não gosta de levar cabeamento nos bairros

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.