OUTROS DESTAQUES
Crise da Oi
Oi estende prazo de programa de acordos com credores
terça-feira, 05 de dezembro de 2017 , 12h12

A Oi estendeu o prazo para o programa de acordo com credores da Recuperação Judicial com valores de créditos de até R$ 50 mil. Segundo a companhia nesta terça-feira, 5, a data final para os interessados entrarem em acordo agora é até a próxima sexta-feira, 8. As formas de participar continuam as mesmas: por meio da plataforma eletrônica para agendamento e pelos centros de atendimento nas capitais Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Salvador e Goiânia no horário das 9h às 17h.

O programa teve uma segunda fase encerrada em 30 de novembro, e agora com o novo prazo (após o adiamento da assembleia geral de credores, que deverá acontecer no próximo dia 19), pretende dar mais oportunidade para credores. Até o momento, foram fechados 30 mil acordos, que resultaram no desembolso de R$ 196 milhões. Em comunicado, o presidente da Oi e também diretor jurídico, Eurico Teles, fez um balanço positivo do que a companhia alcançou com a iniciativa. "Consideramos um bom resultado, diante dos desafios para estruturar um programa nacional para atender milhares de credores espalhados pelo Brasil", disse.

Ao todo, 36 mil credores se cadastraram na plataforma eletrônica da empresa. Dos cerca de 55 mil credores do processo de RJ, cerca de 53 mil têm até R$ 50 mil a receber. No programa da Oi, o pagamento é feito em duas parcelas: a primeira com 90% do total a ser recebido e que deverá ser depositada até dez dias úteis após assinatura do acordo; e a segunda com pagamento em até dez dias úteis após a homologação do Plano de Recuperação Judicial, a ser votado na AGC.

Dúvidas e mais informações podem ser obtidas pelo 0800-644-3111 e pelo website da Recuperação Judicial da Oi.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
, ,
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
 
Top