Ministério em negociação

Fonte do Planalto adianta que a formação do novo ministério estará no centro das negociações do forte pacote fiscal, possivelmente a ser detonado de fato somente depois das eleições. Deve crescer a participação efetiva do PFL e do PMDB, com sacrifício do PSDB. A fonte informa que o presidente FHC tentará primeiro fazer a reforma, para depois remunerar os aliados com a reforma ministerial, em dezembro. Teme, no entanto, que as coisas se decidam ainda em novembro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.