MCom autoriza Piauí Conectado a captar R$ 152 milhões com debêntures incentivadas

O Ministério das Comunicações aprovou nesta terça-feira, 18, por meio da Portaria 2.616/2021, a SPE Piauí Conectado a captar R$ 152,8 milhões em debêntures incentivadas.

O projeto aprovado pelo MCom prevê a implantação, ampliação, manutenção, recuperação, adequação e modernização de rede de transporte, rede local sem fio, data center, infraestrutura de rede para telecomunicações e infraestrutura para virtualização de rede de telecomunicações. As ações serão implementadas no estado do Piauí.

Projeto Piauí Conectado

Notícias relacionadas

No último dia 7 de maio, foi assinado um aditivo contratual, entre o governo do Estado e a SPE Piauí Conectado, para a segunda fase do programa Piauí Conectado. O projeto pretende expandir a rede de fibra óptica para 123 cidades do estado que não receberam a infraestrutura na primeira etapa.

Na ocasião, o diretor-presidente da concessionária SPE Piauí Conectado, Emerson Silva, disse que serão conectados 123 municípios, com 6.052 km com uma rede de alta capacidade e com previsão finalizarmos a implantação até maio de 2022. A partir da rede estão previstos 900 pontos instalados em unidades do governo e praças, com a disponibilização de WiFi gratuito para a população.

O governador Wellington Dias, durante a cerimônia que assinou o aditivo da Parceria Público Privada, disse que serão investidos R$ 183 milhões no projeto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.