Abinee quer mudança nas taxas de importação para equipamentos

A Associação Brasileira da Indústria Eletro Eletrônica (Abinee) encaminhou ao governo uma proposta de aumento de alíquotas do imposto de importação de equipamentos de telecomunicações a fim de incentivar a fabricação destes produtos no País. Segundo o presidente da entidade, Carlos de Paiva Lopes, a proposta é de aumentar as alíquotas atuais de 3%, para 16% para as centrais de comutação, 14% para os repetidores e 12% para a estações radiobase (ERBs) e roteadores. "Todas as indústrias têm condições de produzir esses equipamentos no Brasil, mas com essas taxas não há nenhum interesse", afirma Paiva Lopes. Segundo ele se as alíquotas não forem revistas o País vai perder cerca de US$ 2 bilhões este ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.