Italtel negocia participação na Trópico

A Italtel, fornecedora de sistemas para redes de telecomunicações de próxima geração (NGN), com sede na Itália, está em fase de due dilligence para adquirir participação acionária na Trópico, fabricante de equipamentos de comutação nacional que tem a participação da Promon, CPqD e Cisco. Os sócios da Trópico negam-se a comentar o assunto (a única informação admitida é de que eles estariam em busca de um sócio investidor), mas especula-se que o novo parceiro viria a assumir o controle do negócio. O objetivo da transação é permitir à Italtel complementar seu portfólio com os produtos da empresa brasileira para aumentar a competitividade internacional. E a Trópico, por sua vez, deve ganhar novo fôlego, abrindo um canal internacional para seus produtos e ao mesmo tempo fortalecendo-se para concorrer no mercado nacional, especialmente com equipamentos para comutação por pacotes. A empresa só tem atualmente duas linhas de produtos: os terminais TDM, que compõem sua base instalada de 8 milhões de linhas telefônicas, e a linha Vectura, de comutação por pacotes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.