C.R. Almeida quer voltar para o consórcio Tess

A construtora C.R. Almeida está movendo uma ação contra a Telia para voltar ao consórcio Tess, vencedor do edital para a área 2 da banda B (interior paulista). A C.R. argumenta que foi coagida a assinar o contrato de saída do consórcio. A Justiça paranaense, onde corre o processo, determinou, através de liminar, que o consórcio voltasse a ser sócio, mas ainda não se pronunciou sobre a questão central que vem sendo pedida pela C.R. Almeida: a anulação de todos os atos do consórcio Tess desde a sua saída. Isso inclui, evidentemente, a vitória na área 2.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.