OUTROS DESTAQUES
Pizzolato acredita que nada muda
segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2002 , 18h43 | POR REDAÇÃO

Por sua vez, o diretor de seguridade da Previ, Henrique Pizzolato, acredita que a postura da fundação em relação à briga com o Opportunity não mudará, independentemente de quem for o substituto de Tarquínio. "O presidente do fundo segue orientações do Banco do Brasil. Quem entrar terá que seguir as mesmas orientações que, aparentemente, não serão modificadas", analisa. "Além disso, tão ou mais importantes que o presidente da Previ são os diretores de investimentos e de administração, que continuam os mesmos', conclui.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top