OUTROS DESTAQUES
Intelig se interessa pelos cabos submarinos
terça-feira, 14 de março de 2000 , 19h34 | POR REDAÇÃO

A Intelig pode vir a entrar no grupo das empresas que está construindo os cabos submarinos, segundo seu chief technical officer, Jacques Foulcrant. "Nossa prioridade, por enquanto, é fechar os anéis do backbone terrestre. Mas estamos estudando entrar em um destes consórcios para garantir a redundância às nossas rotas via cabo submarino", explica. A redundância funcionaria porque tanto o GlobeNet quanto o Américas-3 estarão ligados a mais de um ponto do litoral brasileiro.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top