OUTROS DESTAQUES
Abertura do mercado deve acelerar criação de cadastro nacional
quarta-feira, 12 de dezembro de 2001 , 23h02 | POR REDAÇÃO

A principal causa nas dificuldades de tarifação da Embratel continuam com origem no fornecimento de informações, por parte das operadoras locais. Por isso, a operadora ressaltou a necessidade de se criar um cadastro nacional de assinantes, com acesso aberto a todas as empresas, sob a coordenação da Anatel. A expectativa é de que a partir de 2002 as empresas locais também passem a enfrentar este problema, uma vez que cada uma delas vai depender de informações fornecidas pela outra, na área onde ingressar.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top