OUTROS DESTAQUES
Melhor desempenho é da Tele Leste Celular
quarta-feira, 05 de junho de 2002 , 21h14 | POR REDAÇÃO

Entre as três operadoras, a que se saiu melhor no primeiro trimestre deste ano foi a Tele Leste Celular. A companhia, que atua na Bahia e em Sergipe, obteve uma receita operacional líquida 15,5% maior que a do primeiro trimestre do ano anterior, alcançando R$ 107,6 milhões. Seu EBITDA (resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização) subiu 24,3%, passando de R$ 30,5 milhões para R$ 37,3 milhões. Já na Tele Sudeste e Celular CRT, houve queda no EBITDA de 8,3% e 2,1%, respectivamente. O lucro líquido da Tele Leste no trimestre foi de R$ 3,6 milhões, mais que o dobro do R$ 1,6 milhão registrado no mesmo período em 2001. O lucro líquido da Tele Sudeste caiu 24,9% e o da Celular CRT, 12,8%. A primeira lucrou R$ 46,8 milhões e a segunda, R$ 27,5 milhões.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top