OUTROS DESTAQUES
Grupo Telefónica corta investimentos globais para reduzir dívida pela metade
terça-feira, 05 de Fevereiro de 2002 , 21h11 | POR REDAÇÃO

O grupo Telefónica comunicou à Comissão Nacional de Mercado de Valores da Espanha (NMV), de acordo com notícia veiculada na imprensa internacional, que está implementando mundialmente uma série de medidas de contenção de gastos, cortes de investimentos e vendas de ativos, a fim de reduzir sua dívida global pela metade, para cerca de 16,2 bilhões de euros (US$ 14,05 bilhões) até 2004. Entre as metas, estão renegociações com fornecedores, para reduzir em até 10% o valor de contratos, e com instaladores, com o objetivo de chegar a descontos de até 20%. Os investimentos da companhia, especialmente na América Latina, devem ser reduzidos drasticamente. A operadora tem em mente a venda de ativos não estratégicos, como o Pearson, Hispasat, Infonet, Azul Televisión e Torneos y Competencias.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top