OUTROS DESTAQUES
Empresa mostra cautela com desempenho do mercado de telecomunicações
terça-feira, 04 de dezembro de 2001 , 19h27 | POR REDAÇÃO

Bonucci garante que a PeopleSoft tem US$ 1 bilhão de disponibilidade de caixa para investimento, e que o objetivo é adquirir empresas que tenham soluções para ERP, supply chain management, CRM e serviços. Provavelmente os alvos não serão empresas localizadas no Brasil, já que a estratégia para aquisições é global. Sobre as oportunidades na área de telecomunicações, Bonucci disse que está analisando os negócios neste setor com cautela porque as empresas reduzem investimentos, custos e até pessoal, preparando-se para uma consolidação e venda de operadoras: "Continuaremos realizando negócios com empresas de telecomunicações, mas nada comparado ao que foi nos últimos anos." O setor chegou a representar 45% da receita da PeopleSoft, mas o percentual vinha caindo gradativamente; em 2002 deverá ser inferior a 30%.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top