24 de novembro de 2020
EVENTO VIRTUAL

Nesta segunda edição do TELETIME Tec, um evento inédito sobre REDES ABERTAS. Em debate, modelos desagregados de redes neutras, com infraestrutura e serviços ofertados de maneira separadas; e plataformas tecnológicas que permitem plena interoperabilidade entre diferentes vendors e provedores.

Confira nossa programação:

09:00 – 10:30 | Painel 1

09:00 - 10:30 | Painel 1 - A estratégia de redes abertas das teles e o novo cenário competitivo

O que tem levado as operadoras consolidadas a apostar em modelos de expansão de infraestrutura por redes neutras? Como estas estratégias afetam o cenário competitivo? Quais os diferenciais de mercado? Quais os benchmarks internacionais?

Debatedores
Rogério Takayanagi (Oi)
Leonardo Capdeville (TIM Brasil)
Elena Scaramuzzi (Cullen International)
Abel Camargo (American Tower)
Ivan Ramos (F5)

14:00 – 15:30 | Painel 2

14:00 - 15:30 | Painel 2 - Modelos e estratégias tecnológicas para redes abertas
Do OpenRAN ao compartilhamento de fibras, passando pelo WIFI6 e 5G, os modelos de redes abertas surgem a partir de novas soluções e estratégias tecnológicas. Quais as tendências mais relevantes? O que se pode esperar em termos de medidas regulatórias? Como os modelos abertos afetam a estratégia dos vendors? Que novos modelos de negócio podem ser desenvolvidos com as novas soluções? Quais as demandas de espectro?

Debatedores
Vinícius Caram (Anatel)
Luiz Bourdot (Claro)
Alberto Paradisi (CPQD)
Alex Jucius (Associação NEO)
Francisco Giacomini Soares (Qualcomm)

16:30 – 18:00 | Painel 3

16:30 - 18:00 | Painel 3 - As oportunidades de investimento
O desenvolvimento de redes abertas abre novas oportunidades de investimento e estratégias de consolidação. O que pensam os investidores? Quais as prioridades e critérios de investimento? Quais as limitações do mercado brasileiro?

Debatedores
Priscila Evangelista (Anatel)
Luis Minoru (Highline)
João Moura (Telcomp)
Felipe Cansanção (Aloo Telecom)
Fábio Abreu (Sumcity)

Confira nossa programação:

09:00 – 10:30 | Painel 1

09:00 - 10:30 | Painel 1 - A estratégia de redes abertas das teles e o novo cenário competitivo
O que tem levado as operadoras consolidadas a apostar em modelos de expansão de infraestrutura por redes neutras? Como estas estratégias afetam o cenário competitivo? Quais os diferenciais de mercado? Quais os benchmarks internacionais?

Debatedores
Rogério Takayanagi (Oi)
Leonardo Capdeville (TIM Brasil)
Elena Scaramuzzi (Cullen International)
Abel Camargo (American Tower)
Ivan Ramos (F5)

14:00 – 15:30 | Painel 2

14:00 - 15:30 | Painel 2 - Modelos e estratégias tecnológicas para redes abertas
Do OpenRAN ao compartilhamento de fibras, passando pelo WIFI6 e 5G, os modelos de redes abertas surgem a partir de novas soluções e estratégias tecnológicas. Quais as tendências mais relevantes? O que se pode esperar em termos de medidas regulatórias? Como os modelos abertos afetam a estratégia dos vendors? Que novos modelos de negócio podem ser desenvolvidos com as novas soluções? Quais as demandas de espectro?

Debatedores
Vinícius Caram (Anatel)
Luiz Bourdot (Claro)
Alberto Paradisi (CPQD)
Alex Jucius (Associação NEO)
Francisco Giacomini Soares (Qualcomm)

16:30 – 18:00 | Painel 3

16:30 - 18:00 | Painel 3 - As oportunidades de investimento
O desenvolvimento de redes abertas abre novas oportunidades de investimento e estratégias de consolidação. O que pensam os investidores? Quais as prioridades e critérios de investimento? Quais as limitações do mercado brasileiro?

Debatedores
Priscila Evangelista (Anatel)
Luis Minoru (Highline)
João Moura (Telcomp)
Felipe Cansanção (Aloo Telecom)
Fábio Abreu (Sumcity)

Patrocínio Silver

Patrocínio Bronze

Realização