TCO não vê problemas para acordo com Bell South

Segundo Sérgio Assenço, a Bell South comprou ações preferenciais da TCO de fundos de investimentos americanos, e as ações ordinárias foram compradas no Brasil. Segundo o diretor da TCO, não existe nenhum tipo de acordo de acionistas entre a Splice, controladora da TCO, e a Bell South, de modo que a Anatel não deve se opor à compra destas ações por não configurar controle da empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.