Embratel rejeita possível condição da Telefônica

A oferta de bit stream como modelo de unbundling não deverá ser aceita facilmente no mercado, a julgar pela opinião manifestada por Purificación Carpinteyro, vice-presidente de assuntos externos da Embratel, a grande interessada na rede das teles locais para a venda de ADSL, durante o seminário. Segundo ela, o unbundling não é o fornecimento de bit stream, mas a liberação do acesso local para que outra empresa possa competir com os equipamentos e tecnologia próprios. E, ainda conforme Purificación, a demora em regularizar o compartilhamento só interessa às próprias teles, que com isso podem ocupar todo o mercado antes da chegada de concorrentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.