Morre o ex-conselheiro da Anatel, Luiz Tito Cerasoli

Morreu nesta segunda-feira, o ex-conselheiro da Anatel, Luiz Tito Cerasoli. O engenheiro em Telecomunicações, graduado em 1972, exerceu o cargo de conselheiro do órgão no período entre 1999 a 2003, e foi também superintendente de Serviços Públicos da Agência. Tito Cerasoli trabalhou no Ministério das Comunicações onde foi diretor de Tarifas e Preços (1995-1997) e fez parte da Comissão de Licitação das concessões da Banda B (telefonia móvel) ao setor privado. Em nota, o atual presidente da agência, Juarez Quadros lamentou o falecimento e reconheceu  a "dedicação, caráter, conhecimento, e seu companheirismo para todos que tiveram a honra de trabalhar com ele. Destaca ainda a importância do seu trabalho na consolidação da agência."

Luiz Tito Cerasoli nasceu no Rio de Janeiro em 19 de julho de 1950. Iniciou sua carreira em telecomunicações antes mesmo de sua graduação como engenheiro de Telecomunicações.  Seu primeiro trabalho foi na Standard Electric (1972-1978), daí em diante atuou em empresas de telecomunicações do Sistema Telebrás (1978-1995). Durante sua passagem pelo Sistema Telebras, trabalhou na Telesp (1978-1983) e Embratel (1983-1995).

Entre 2004 e 2007 Cerasoli trabalhou na Embratel como diretor regulatório. Ele também acumulou a presidência da empresa-espelho Vésper, que foi adquirida pela concessionária.

Notícias relacionadas

Foi presidente do Grupo Telecomunicações para a América Latina da União Internacional de Telecomunicações (UIT) e membro da delegação brasileira na última rodada de negociações do Acordo de Telecomunicações na Organização Mundial do Comércio (GATS/WTO – General Agreement on Trade in Services / World Trade Organization). Atualmente, atuava na Cerasoli Telecomunicações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.