Telefónica e Huawei assinam acordo para virtualização de core de rede

A Telefónica anunciou nesta segunda-feira, 30, ter escolhido a Huawei como fornecedora de virtualização de core de rede (vEPC) para a infraestrutura de LTE em 14 países, incluindo o Brasil. A parceria contará com mais dez países na América Latina (Argentina, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, México, Nicarágua, Peru, Panamá e Uruguai), além de Alemanha e Espanha. A solução adotada da fabricante chinesa é o CloudEPC, que permite a construção de redes ágeis e flexíveis para se adequar às demandas de novos serviços, reduzem custos de produção, suportam implantação mais rápida de serviços e adequa recursos dinamicamente às redes legadas da operadora. A ideia é utilizar a tecnologia com serviços de Internet das Coisas (IoT) e máquina-a-máquina (M2M); operadoras móveis virtuais (MVNO); redes LTE privadas; e computação de bordo móvel (Mobile-Edge Computing). A solução herdará as mesmas características da versão física, o SingleEPC.

As duas empresas já estão trabalhando e testando conjuntamente o rendimento do CloudEPC em laboratório de referência de virtualização de funções de rede (NFV) do grupo espanhol em Madri. Segundo a Telefónica, os testes já mostraram rendimento melhor em plano de dados por conta da arquitetura que usa tecnologia de Enhanced Platform Awareness (EPA). Atualmente, as companhias experimentam a integração com a plataforma de infraestrutura Unica com a ideia de poder implantar o vEPC e a gestão de ciclo de vida nas redes da operadora na Espanha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.