Publicidade
Início Newsletter Huawei acredita em avanço de redes privativas 5G na América Latina em...

Huawei acredita em avanço de redes privativas 5G na América Latina em 2024

Tony Sze, presidente da Huawei EBG Latam Foto: Huawei Brasil

[Publicado originalmente no Mobile Time] A Huawei vê avanço do 5G B2B (leia-se redes privativas) na América Latina apenas para o ano que vem. É o que previu Tony Sze, presidente da Huawei EBG (enterprise) Latam, em conversa com jornalistas da região nesta segunda-feira, 29. O executivo afirmou que a fornecedora tem conversado principalmente com empresas do setor de mineração para ficar na superfície e no subsolo de suas operações. Também tem conversado com companhias de serviços essenciais (utilities).

Contudo, Sze acredita que o 5G no B2B só deve avançar na região a partir da metade do ano que vem, ou seja, quando espera que a maioria dos países latino-americanos tenham implementado a quinta geração das redes celulares. Sobre quantas redes privativas possui instaladas na região latino-americana, o presidente da Huawei EBG na região preferiu não comentar.

Inclusão digital

Notícias relacionadas

Outro ponto que o executivo trouxe ao diálogo foi o uso da Internet como motor de aceleração da inclusão digital e social na América Latina. Para Sze, a transformação digital na região é importante, pois a Internet é um dos maiores direitos humanos existentes: “Nós podemos trazer a Internet, junto aos nossos parceiros, em qualquer lugar, qualquer canto de um país. Nós podemos fazer algo para esses países, para o povo”, disse. Deu como exemplo o fato de levar conectividade para pessoas que moram em áreas rurais que tem oportunidade igual às pessoas das grandes cidades para ter acesso à educação, por exemplo.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile