Publicidade
Início Newsletter Acionistas da Oi aprovam remunerações e conselho fiscal

Acionistas da Oi aprovam remunerações e conselho fiscal

Foto: Pixabay

Ocorrida nesta sexta-feira, 29, a assembleia geral ordinária de acionistas da Oi aprovou remuneração e nova composição do conselho fiscal. No entanto, por não ter atingido o quórum mínimo para a votação pela aprovação do aumento de capital (de apenas R$ 4,576 milhões) proposto em fevereiro, não foi possível deliberar sobre o assunto. Assim, a empresa precisará realizar uma nova convocação aos acionistas para trazer a questão de volta à pauta.

Também será necessário convocar uma assembleia geral extraordinária para deliberar sobre os resultados do exercício de 2021, uma vez que a divulgação do balanço financeiro, prevista para acontecer no último dia 26 de abril, foi adiada pela segunda vez – desta vez para 4 de maio. Originalmente, a operadora tinha marcado a demonstração para o dia 29 de março.

Para a remuneração do conselho de administração da Oi, a verba dedicada aprovada será de até R$ 19,392 milhões, além de R$ 11,833 milhões para remuneração variável. Já para a diretoria estatutária, a verba é de R$ 63,652 milhões. O conselho fiscal terá verba anual de R$ 1,002 milhão, o mínimo previsto pela Lei das S.A., segundo ressalta a empresa.

Notícias relacionadas

Foram eleitos para o conselho fiscal Cristiane do Amaral Mendonça, com Marco Antônio de Almeida Lima de suplente; Pedro Wagner Pereira Coelho, com Maria Salete Garcia Pinheiro de suplente; Alvaro Bandeira com Wiliam da Cruz Leal; e Daniela Maluf Pfeiffer com Marco Antonio Mayer Foletto como suplente.

Um plano de incentivo de longo prazo baseado em ações para executivos também foi aprovado pelos acionistas. O formato e as condições foram apresentados previamente.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário Cancelar resposta

Sair da versão mobile