Cade aprova sem restrições a venda de torres da Telxius à American Tower

A Superintendência-Geral (SG) do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a compra das torres da Telxius (subsidiária da Telefónica) no Brasil pela American Tower.

A decisão do órgão foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 29, após despacho divulgado no dia anterior. Como pontuou TELETIME, algumas concorrentes do mercado de torres queriam condicionantes para aprovação do negócio.

A SG, por sua vez, entendeu que, embora o segmento seja impactado de forma significativa pela operação, não haveria indicativos de concentração suficientes para gerar a possibilidade de problemas concorrenciais.

Notícias relacionadas

"Por mais que a operação tenha resultado em uma concentração de mercado maior que 20%, já que a American Towers é o principal agente desse mercado […], os níveis de concentração permaneceram baixos", sinalizou o órgão, destacando também a desverticalização gerada pela operação na Telefónica (que no Brasil é dona da marca Vivo).

Acordo

A compra do negócio de torres da Telxius pela American Tower foi anunciada em janeiro. Por mais de 33 mil estruturas no Brasil, Espanha, Alemanha, Argentina, Chile e Peru serão pagos 7,7 bilhões de euros. Números específicos da transação no País não foram divulgados pelas partes.

A dupla também está avaliando a necessidade de notificação da operação na Argentina e no Peru, em razão das recentes mudanças das regras de notificação nos países. Vale lembrar que como parte do acordo, a American Tower ainda assumiu compromisso de construir 3,3 mil sites no Brasil e na Alemanha até 2025.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.