Pesquisa indica pessimismo em relação a serviços convergentes

Uma pesquisa realizada pela Valista, estabelecida na Irlanda e nos Estados Unidos, em relação ao mercado de banda larga, trouxe resultados surpreendentes. A sondagem com integrantes do setor móvel revelou que 46% dos provedores acreditam que o desenvolvimento de estratégias de negócios para capitalizar a convergência será um grande desafio em 2008. E isto será seguido de perto pelo declínio da receita média por usuário (Arpu), em 30%. A capitalização com base na convergência pode tornar-se ainda mais desafiadora quando confrontada com o pessimismo no segmento de banda larga e TV a cabo, onde três quartos dos pesquisados previram que menos de 10% dos provedores de banda larga e de TV a cabo oferecerão programação por meios móveis neste ano. Isto mostra que a convergência entre os provedores de serviços móveis e de banda larga ainda é vista pelo setor como um negócio prematuro.
Além disso, segundo a Valista, quase metade dos pesquisados oriundos do setor de mídia e entretenimento respondeu que o maior problema este ano será o desenvolvimento de novos modelos de negócios para novos canais, seguido de perto pela manutenção de receitas de publicidade na faixa de 33%. Apenas 11% acreditam que o maior desafio, ao contrário, será o gerenciamento e proteção de conteúdo.
Para Fran Heeran, CTO da Valista, é preciso esperar para ver se realmente 2008 será o ano em que a área de serviço móvel, da banda larga e da mídia e entretenimento alinharão seus negócios para lucrar em cima da convergência.
Em relação à publicidade móvel, 36% dos entrevistados acreditam que há significativas oportunidades neste segmento, com quase um quarto mostrando-se otimista com a produção de conteúdo e mídia móvel pelos usuários.
Sobre meios de pagamento pelo uso do conteúdo móvel, 45% dos entrevistados acreditam que o método que prevalecerá tanto para banda larga quanto TV a cabo será o de pagamento direto na conta telefônica em 2008; 27% apostam no pagamento cuja autorização é um SMS (ou Premium Short-Message Service); e 5% votaram no cartão de crédito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.