Algar confirma primeira operação em 700 MHz fora de Rio Verde

A Algar Telecom pretende executar o primeiro lançamento comercial da rede de 700 MHz fora de Rio Verde (GO). A companhia já está fazendo os ajustes finais para começar a operar com LTE na cidade de Ituiutaba (MG) nas próximas semanas. A expectativa, segundo o presidente da tele, Jean Carlos Borges, é que o município do Triângulo Mineiro seja também o primeiro da operadora a oferecer a tecnologia 4G.

"Estamos correndo para ser a primeira cidade com lançamento comercial, operacional", disse Borges a este noticiário. A aprovação para o uso em Ituiutaba foi dada pelo Gired em junho deste ano, já que ali a faixa de 700 MHz está livre. O serviço móvel pessoal deverá conviver com a radiodifusão, sem prejuízo para os serviços.

Na avaliação do executivo, a recepção da nova frequência nos celulares não será problema para os usuários. "Pelo menos 20% dos terminais da nossa base podem usar o 700 MHz", declara, ressaltando ainda os benefícios da faixa mais baixa, que proporciona uma maior cobertura (inclusive indoor) e, assim, menor necessidade de adensamento de antenas.

"Conseguimos a liberação do 700 MHz e vamos implantar o mais rápido possível", confirmou o diretor de operações e tecnologia da Algar, Luiz Antônio Andrade Lima. Mas a empresa não deverá ficar restrita a Ituiutaba. Lima afirma que tem lutado para a liberação em outras cidades, sem revelar quais.

No leilão de 2014, a companhia arrematou o quinto lote da faixa de 700 MHz por R$ 29,567 milhões. Uma vez liberado o uso do espectro, a empresa poderá atuar em 87 municípios de Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e São Paulo. A companhia não adquiriu licenças da faixa de 2,5 GHz no leilão de 2012: segundo Lima, por uma decisão estratégica, uma vez que a faixa é muito alta e traz dificuldade na cobertura indoor.

* O jornalista viajou a Uberlândia (MG) a convite da Algar Telecom 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.