Anatel decide que orelhões da Oi deverão manter ligações gratuitas em 11 estados

Orelhão, TUP

A Anatel decidiu prorrogar até o dia 31 de março do próximo ano a gratuidade para as ligações locais e de longa distância nacional originadas de Telefones de Uso Público (TUPs) da Oi em nove estados da região Nordeste (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte) e dois da região Norte (Amazonas e Amapá). O motivo alegado pela agência é que a empresa não cumpriu as metas de disponibilidade dos orelhões em funcionamento nesses estados. A operadora já foi notificada da decisão do regulador.

De acordo com a Anatel, a gratuidade deveria terminar já no próximo domingo, dia 30. No Estado de Roraima, no entanto, as ligações poderão ser cobradas a partir da próxima segunda-feira, 1º de outubro.

Segundo a agência, as chamadas permanecem gratuitas até que as metas de disponibilidade sejam alcançadas. O órgão regulador realizou a aferição da quantidade de orelhões em funcionamento da Oi em 30 de agosto deste ano, e uma nova medição deverá ser feita em 28 de fevereiro de 2019. Ela vai indicar os estados em que as ligações poderão ser cobradas a partir de 1º de abril de 2019.

(Com assessoria de imprensa da Anatel)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.