Oi adia balanço e diz que aditamento ao Plano da RJ sai até 15 de junho

A Oi anunciou em fato relevante no final da noite da quarta-feira, 27, o adiamento da divulgação do balanço financeiro do primeiro trimestre de 2020. Previsto inicialmente para ser publicado nesta quinta, 28, agora o resultado deverá sair apenas no dia 15 de junho. Segundo a operadora, o motivo é que ela deve apresentar a proposta de aditamento ao Plano de Recuperação Judicial até a mesma data

Essa modificação no plano original é a razão pela convocação da nova Assembleia Geral de Credores, que a companhia tem que realizar até o o dia 6 de novembro deste ano. Oficialmente, o estabelecimento da data de 15 de junho para apresentar a proposta e o balanço financeiro tem como objetivo possibilitar "melhor visibilidade e compreensão pelo mercado, de forma mais contextualizada e abrangente". 

Notícias relacionadas

A realização da assembleia em si ainda não tem data. A Oi diz que está em "fase de preparação da documentação necessária" para protocolar a proposta junto à 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro. Ela afirma que está "envidando todos os esforços para viabilizar sua aprovação em nova Assembleia Geral de Credores o mais breve possível". 

Na prática, pode significar um avanço no processo de avaliações para a venda da Oi Móvel, já que esse deve ser o motivo do aditamento ao plano da RJ e o principal assunto principal da assembleia. A companhia já teria iniciado o processo de due dilligence juntamente com as interessadas em comprar o ativo, a TIM e a Vivo em conjunto, embora a Claro teria apresentado interesse na negociação. Desde dezembro do ano passado, a Oi tem o Bank of America como assessor financeiro para o desinvestimento.

Covid-19

O que possibilitou o adiamento da divulgação dos resultados financeiros do primeiro trimestre foram os novos prazos estabelecidos excepcionalmente pela Deliberação CVM nº 852 de 15 de abril. Essa deliberação da Comissão de Valores Mobiliários permitiu a prorrogação por 45 dias por conta do impacto da crise da pandemia do coronavírus (covid-19).

Assim, a Oi deverá divulgar as informações financeiras do primeiro trimestre e o respectivo relatório de revisão dos auditores independentes somente no dia 15 de junho, de maneira coordenada com a apresentação da proposta de aditamento ao Plano da RJ. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.