Telebras vai interligar unidades do Ministério do Trabalho

A rede da Telebras vai interligar as unidades do Ministério do Trabalho em todo o País. O contrato anual é de R$ 62,8 milhões para garantir tráfego de dados, voz e imagem. O contrato foi assinado no dia 23 deste mês por um período de um ano, podendo ser prorrogado por até cinco anos.

Este é o segundo contrato da Telebras com órgãos do governo anunciado este mês. No dia 14, a estatal assinou contrato com a Dataprev para fornecimento de toda a rede da Previdência, incluindo agências, gerências e superintendências regionais e entidades parceiras. Ao todo, a rede é formada por mais de 1.700 circuitos ativos de comunicação de dados em todo o Brasil, conectados aos data centers da Dataprev. O valor total estimado é de R$ 292,8 milhões.

A Telebras, que ainda tem uma cobertura limitada, e por isso não tem a totalidade dos circuitos para atender aos clientes de governo. Há relatos de casos em que as estatais e agências governamentais têm solicitado aos antigos prestadores privados a manutenção dos pontos de acesso, pelo menos até o ajuste da rede da Telebras. A estratégia da Telebras para conquistar esses contratos passa pelo Decreto 8.135/2013, que determina aos órgãos da administração federal o contratação de redes seguras, e a Telebras, apesar de utilizar e compartilhar redes de outras operadoras, é considerada, pelo decreto, segura. Este decreto está sendo revisto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.