NLT adota rede LoRA da American Tower

Foto: Pixabay

[Publicado no Mobile Time] A operadora móvel virtual (MVNO, na sigla em inglês) NLT, especializada em atender a aplicações de Internet das Coisas (IoT), fechou contrato para usar a rede LoRA da American Tower no Brasil, hoje presente em 220 cidades que representam 60% do PIB nacional. O acordo permitirá a oferta de soluções híbridas combinando as tecnologias LoRA e GSM – a NLT é uma MVNO na rede da Vivo.

"LoRA vai ajudar a popularizar IoT. Seu custo, tanto de dispositivos quanto de conectividade, é 10 a 20 vezes mais barato que o GSM. A tendência é de que o volume de dispositivos LoRA em nossa rede encoste ou ultrapasse aquele do GSM ainda neste ano", prevê André Martins, CEO da NLT, em conversa com Mobile Time. "Mas sempre haverá demanda por uma rede mais robusta e confiável como a rede GSM, cuja topologia é mais madura que aquela do LoRA", ressalta.

Martins acredita que haverá demanda por LoRA para monitoramento de frotas e cargas, assim como para soluções de cidades inteligentes e também no agronegócio. No caso deste último, o fato de a American Tower permitir que parceiros expandam sua rede por conta própria foi levado em conta na decisão da NLT por escolhê-la, porque haverá demanda para isso na cobertura de grandes fazendas, explica Martins.

A respeito de smart cities, o executivo comenta que o Brasil ainda está bem atrás dos mercados europeu e norte-americano no desenvolvimento desse segmento. "As demandas em smart cities no Brasil são incipientes, modestas. Como empresa de tecnologia podemos oferecer muito mais do que só a conexão. Em medição inteligente, por exemplo, podemos oferecer um dashboard para o consumidor final saber se está consumindo mais do que deveria, um comparativo com outros usuários etc. Ou seja, é mais que medir: é prestar informações aos usuários", afirma.

Outras tecnologias

A estratégia da NLT é ser uma operadora de IoT com múltiplas redes e tecnologias que se complementam e se combinam de acordo com a necessidade de cada cliente. "LoRA é a nossa segunda tecnologia, mas não será a última. Vamos atrás de outras que possam enriquecer a nossa proposta de conectividade híbrida", afirma o CEO da companhia. A NLT já está negociando com a Vivo para uso de NB-IoT e CAT-M. Também está de olho no lançamento futuro de 5G. E pretende adotar cobertura satelital para áreas remotas.

NLT no Fórum de Operadoras Inovadoras

O CEO da NLT vai participar de um painel sobre MVNOs na terceira edição do Fórum de Operadoras Inovadoras, que acontecerá no dia 30 de março, no WTC, em São Paulo. Estarão no mesmo painel Bruno Ajuz, vice-presidente de marketng da Telecall, Marcos Oliveira Jr., CEO da Fluke, e Ronaldo Yoshida, diretor de estratégia e novos negócios da Dry. Para mais informações sobre o evento e compra de ingressos acesse www.operadorasinovadoras.com.br, ou ligue para 11-3138-4619, ou escreva para eventos@mobiletime.com.br. O Fórum de Operadoras Inovadoras é organizado por Mobile Time e Teletime.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.