Telefónica enfrenta conflito trabalhista na Espanha

Devido ao fracasso da tentativa de um acordo coletivo, os trabalhadores da Telefónica da Espanha convocaram um greve de quatro horas e manifestações em vários pontos daquele país nesta sexta, 27. Segundo notícia publicada pelo diário espanhol 5Días, a paralisação atingiu 12,52% dos trabalhadores, de acordo com operadora, e entre 15% e 20%, conforme o sindicato CGT. O grupo anunciou esta semana que pretende cortar nos próximos cinco anos 15 mil de um total de 40 mil empregados de sua operação de telefonia fixa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.