Participação de dados na recarga de pré-pagos da Oi cresce 127% em um ano

Com a migração de feature phones para smartphones, os usuários brasileiros de linhas pré-pagas estão descobrindo a Internet móvel. Isso é visível no balanço financeiro de 2014 da Oi, divulgado nesta sexta-feira, 27. A participação de dados no uso de recargas pré-pagas da operadora no quarto trimestre do ano passado cresceu 127% em comparação com o mesmo período de 2013. No mesmo intervalo de tempo, o tráfego de dados entre usuários pré-pagos da Oi cresceu 50,7%. E a receita com Internet móvel (excluindo SMS e valor adicionado) subiu 76,3% no segmento pré-pago.

Notícias relacionadas
O faturamento com SVAs junto a esse público, por sua vez, aumentou 45,7%, puxado por serviços de assinatura com conteúdo de saúde e de educação, além do clube de aplicativos. A empresa destacou especificamente os produtos Oi Conselheiros, Oi Saúde, Oi Apps Club e Para Aprender.

Entre os pós-pagos, a empresa divulgou apenas que a receita de Internet móvel cresceu 29,3% no quarto trimestre, ou seja, em um ritmo bem menor que aquele verificado na base pré.

A receita de dados como um todo da Oi no quarto trimestre foi de R$ 613 milhões, o que representou um crescimento de 32,5% em relação ao mesmo período de 2013. Esse valor correspondeu a 33,9% do que a empresa chama de receita "de clientes", que não inclui uso de rede e nem venda de handsets. Essa participação é 7,3 pontos percentuais maior do que a registrada um ano antes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.