Faixas de 3,5GHz e 26-28GHz predominam nos testes 5G

A definição das frequências que serão ocupadas para o desenvolvimento do 5G é, hoje, uma das principais preocupações manifestadas pelas operadoras durante o Mobile World Congress 2018, que acontece esta semana em Barcelona. Um estudo da GSMA Intelligence mostra que existe, no momento, uma grande dispersão de faixas sendo testadas, o que indica que haverá um trabalho complexo de engenharia de espectro para harmonizar o funcionamento do 5G em todo o mundo. Segundo a GSMA 11% dos testes atuais estão sendo conduzidos em faixas sub-3GHz, 23% na chamada banda C (entre 3 GHz e 6 GHz), 30% dos testes estão em faixas entre 6 GHz e 30 GHz e 28% dos testes não revelaram as frequências em que atuam ou atuam em diversas faixas. Segundo o estudo, as faixas que parecem se consolidar nos testes são a de 3,5 GHz (16% dos testes e as faixas entre 26 e 28 GHz (19% dos testes). Existem, segundo o estudo, 77 operadoras em testes com redes de 5G em 49 países, e 45 operadoras de 19 países já anunciaram planos de lançamento da nova tecnologia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.