Se resultado é bom, parcerias vão bem, diz Villalonga

Juan Villalonga, ao ser perguntado sobre a restruturação da CRT (a Telefónica precisa diminuir sua participação) e sobre o relacionamento com os sócios, especificamente RBS, apenas se limitou a dizer que o desempenho da empresa foi muito bom em 98 e, se o desempenho foi bom, naturalmente o relacionamento entre os sócios também é bom.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.