Viasat inaugura novos escritórios em Brasília e São Paulo

Operadora da capacidade comercial em banda Ka do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC-1), a Viasat anunciou nesta quinta-feira, 26, a abertura de um escritório em Brasília e a mudança para novas instalações na cidade de São Paulo. O anúncio foi feito durante o Congresso Latinoamericano de Satélites, evento organizado pela TELETIME e que vai até a sexta, 27.

Segundo a operadora satelital, o movimento demonstra a oportunidade de aumento rápido na presença no País através de novos serviços de conectividade. A Viasat tem planos de trazer capacidade satelital adicional para a região assim que lançar sua constelação ViaSat-3 – que consistirá em três artefatos de alta capacidade. O primeiro deles, destinado às Américas, deve ser lançado em 2021.

No caso do escritório na capital federal, a companhia também destaca a maior aproximação com a Telebras, de quem é parceira estratégica no SGDC-1. Já em São Paulo, o novo espaço ficará situado na Avenida Brigadeiro Faria Lima, considerada o principal centro comercial e financeiro da cidade.

"Ao termos dois escritórios distintos nos principais centros de negócios e governo, podemos construir parcerias locais brasileiras para nos ajudar a executar mais eficazmente a nossa missão de trazer conectividade por satélite de alta qualidade para o país, do litoral às mais remotas comunidades do interior", afirmou o presidente e CEO da Viasat, Mark Dankberg.

Até o momento, Viasat e Telebras conectam alguns milhares de órgãos governamentais com o SGDC-1, incluindo escolas, postos de fronteira e outros aparelhos sob a iniciativa do programa Governo Eletrônico – Serviço de Atendimento ao Cidadão (GESAC). Já entre os serviços adicionais que a empresa norte-americana espera viabilizar estão a banda larga para empresas e residências; serviços de conectividade a bordo para aviação comercial e jatos executivos; e Wi-Fi comunitário para regiões mal atendidas.

Em julho último, a Viasat iniciou um programa experimental de Wi-Fi comunitário no Brasil, implantando hotspots Wi-Fi gratuitos, com velocidades de até 25 Mbps, em comunidades do estado de São Paulo. A companhia também lançou um canal de distribuição varejista no mês passado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.