Pregão da Telebras para contratação de empresa de manutenção de rede tem data marcada

A Telebras realiza dia 17 de maio o pregão eletrônico para contratação de empresa ou consórcio de empresas especializadas para execução de serviços de operação e manutenção, a serem realizados de forma contínua, na planta da Rede Nacional de Telecomunicações em todo o território nacional. O prazo do contrato é de três anos, que pode ser estendido para cinco anos, e o preço mínimo continua sigiloso.

A operação e a manutenção da rede da Telebras incluem todas as atividades necessárias para operação e manutenção preventiva, preditiva e corretiva; além da manutenção de equipamentos de telecomunicações, torres/postes, contêineres, sistemas de climatização, sistemas de energia, grupos motor geradores, sistemas retificadores, transformadores, QDCAs, QDCCs, bancos de baterias, esteiramentos, bastidores, gabinetes, sistema de circuito fechado de TV, câmeras de alta definição e demais equipamentos e materiais de infraestruturas de estações de telecomunicações. Inclui ainda redes de cabos de fibras óticas em dutos ou subdutos subterrâneos, cabos ópticos aéreos, derivações, caixas de passagem, tampas, caixas para emendas, emendas e terminadores óticos, DGOs, caixa de passagem e de emenda, e demais itens componentes da infraestrutura de redes óticas.

A manutenção inclui os Centros de Operações do satélite (COPE-P) em Brasília e (COPE-S) no Rio de Janeiro, mas somente em equipamentos de infraestrutura e da rede terrestre. Assim como nas Estações de Acesso (Gateways) e Terminais CMS do projeto SGDC, também somente equipamentos de infraestrutura e da rede terrestre.

O edital admite a ativação de usuários finais privados, apenas e tão somente em localidades onde inexista oferta adequada desse serviço, com configuração e disponibilização de portas de acesso à Rede Nacional de Telecomunicações. A vencedora deve realizar o atendimento de chamados durante 24 horas por dia e sete dias por semana para solução de problemas decorrentes de defeitos e falhas nas redes, nos sistemas de gerência, nos equipamentos/softwares, na infraestrutura, na gestão de sobressalentes ou relacionados com equipes ou pessoal de operação e manutenção. E ainda disponibilizar serviço de atendimento telefônico gratuito (0800), com atendimento em língua portuguesa, e suporte remoto online, ambos também em regime 24/7.

O edital da licitação pode ser obtido na sede da Telebras, em Brasília ou clicando aqui. Até setembro o trabalho de campo de manutenção da rede será feito pela Padtec, que assinou contrato com a estatal de R$ 14,9 milhões (valor correspondente a seis meses de serviço).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.