Gemalto chega a 100 soluções de eSIM implementadas no mundo

[Publicada originalmente no Mobile Time] A Gemalto alcançou a marca de 100 implementações de sua plataforma de gerenciamento de eSIM no mundo, somando as versões para dispositivos de consumidores finais e de Internet das Coisas. No Brasil, a Claro/Embratel é a primeira cliente, usando a plataforma para o gerenciamento de eSIM em automóveis.

O eSIM consiste em uma SIMcard embutido no aparelho, seja um smartphone, um laptop, ou um dispositivo de IoT. Ele ocupa menos espaço do que um SIMcard tradicional, que requer uma bandeja para ser inserido e removido pelo usuário, por exemplo. O gerenciamento do eSIM pelo consumidor final é feito através do próprio aparelho. Os novos iPhones, por exemplo, trabalham com um sistema híbrido: têm entrada para SIMcard tradicional mas também usam eSIM. Através de um menu no aparelho, o consumidor pode visualizar as operadoras que fornecem conectividade por eSIM em seu país. Somente as teles que tiverem uma plataforma de eSIM instalada conseguem disponibilizar o serviço.

"O eSIM abre um novo mercado para as operadoras móveis proverem conectividade para laptops e tablets", comenta André Mattos, diretor comercial da Gemalto no Brasil.

O executivo acredita que a decisão da Apple de adotar o eSIM vai levar operadoras do mundo inteiro a se adaptarem para trabalhar com essa nova tecnologia. É esperado que mais modelos de smartphones sejam lançados com eSIM em 2019. A projeção é de que em 2025 haja 3,5 bilhões de dispositivos com eSIM no mundo, segundo a Ericsson.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.