Telebras assina acordo com Grupo Bandeirantes para CDN

Em julho, a Telebras já havia anunciado a intenção de entrar no mercado de redes de distribuição de conteúdo (CDN), mas estava esperando primeiro passar o período da Copa do Mundo de 2014 para começar a investir nisso. Esse plano acabou sendo adiantado, já que o presidente da companhia, Caio Bonilha, anunciou nesta quinta-feira, 24, a assinatura de um acordo de parceria com o Grupo Bandeirantes para CDN de clientes da emissora de TV.  "Estamos começando a implementar a rede para, possivelmente até o final do ano, estarmos com um cliente só para testar todos os conceitos, porque vamos colocar isso em toda a rede", disse ele em conversa com jornalistas durante a Futurecom nesta quinta, 24.

O piloto será necessário para que a Telebras saiba a quantia que precisará gastar, mas Bonilha diz que o projeto está garantido, pois a diretoria já aprovou investimento massivo para 2014. "Estamos agora trabalhando para implementar equipamentos de rede, que estará disponível a todos os provedores de conteúdo", declara. A empresa deverá colocar os servidores de cache em toda a rede, o que ele explica que "não é uma tarefa fácil e será gradativo".

Além de conteúdo de entretenimento, a CDN deverá usar o backbone ótico da companhia para entregar também conteúdo de governo e ensino à distância. Mas o fato é que a Telebras quer mais parceiros para poder usar o negócio para atrair mais provedores. "Não é uma parceria exclusiva, mas é o primeiro passo para este modelo", disse. "Começamos com a Bandeirantes, mas não fomos procurados ainda por outras (empresas). Mas a rede é neutra e aberta", explica Bonilha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.