Publicidade
Início Newsletter Leilão do 5G é avaliado no total em R$ 49,7 bilhões

Leilão do 5G é avaliado no total em R$ 49,7 bilhões

Superintendente da Anatel, Abraão Balbino

Com a aprovação do edital do 5G nesta sexta-feira, 24, a Anatel divulgou os preços oficiais de cada faixa que estará no leilão, marcado para o dia 4 de novembro. No total, o leilão ficou com valor econômico de R$ 49,7 bilhões, de acordo com a agência durante coletiva de imprensa realizada em seguida à reunião do conselho diretor.

Esse valor total, informado pelo superintendente de competição Abraão Balbino, representa um aumento do valor econômico de 12 a 13% comparado à valorização calculada pela área técnica da Anatel na minuta enviada ao Tribunal de Contas da União (TCU).

De acordo com o superintendente, o preço mínimo ficou quase inalterado, mas houve aumento no valor final por conta de obrigações com valor presente líquido negativo (ou seja, sem atratividade econômica). “O VPL da soma não é igual à soma de VPLs”, coloca Balbino, citando compensações. 

Notícias relacionadas

No total, no pior dos cenários, no caso de não haver ágio em nenhum dos lotes de cada outorga de frequência, o leilão do 5G poderia ser totalizado em R$ 10,6 bilhões, considerando os preços mínimos. Segundo informou o superintendente ao TELETIME, o valor ao erário seria de R$ 3,057 bilhões. Balbino lembrou que ainda deve ser considerado a destinação de 90% da faixa de 26 GHz para os projetos de escolas conectadas.

Entenda a composição de cada bloco neste gráfico:

Boa parte desses valores já era conhecido, conforme análise do Tribunal de Contas da União e no relatório do conselheiro da Anatel Emmanoel Campelo. Mas agora o valor da faixa de 26 GHz ficou estabelecido também: o bloco com licença de 20 anos terá preço mínimo de R$ 528,240 milhões, enquanto o de licença de 10 anos, que aconteceria em uma segunda rodada, terá justamente a metade desse total (R$ 264,120 bilhões). Lembrando que a divisão agora é de 16 blocos de 200 MHz, em vez dos originais oito blocos de 400 MHz. 

Faixas700 MHz2.3 GHz lote 50 MHz2,3 GHz lote 40 MHz
Valor Faixa R$ 2.300.737.539R$ 4.875.336.549R$ 3.900.269.239
CompromissosR$ 2.837.440.315R$ 5.883.937.065R$ 4.707.149.652
Preço Mínimo totalR$ 157.628.411R$ 409.145.284R$ 327.316.227
Faixas3,5 GHz Nacional3,5 GHz Regional26 GHz 20 anos26 GHz 10 anos
Valor FaixaR$ 30.201.862.340R$ 6.040.372.468R$ 8.451.841.215R$ 5.282.400.759
CompromissosR$ 5.219.862.732R$ 7.505.719.272R$ 7.606.657.094– 
Preço Mínimo totalR$ 1.285.403.527R$ 265.373.330R$ 8.451.841.215R$ 264.120.038
FaixasTOTAL
Valor FaixaR$ 49.730.046.883
CompromissosR$ 33.760.766.130
Preço Mínimo totalR$ 10.631.334.665

Investimento e discrepância

O Capex total esperado, contudo, tem outro valor. Segundo Abraão Balbino, “em termos de investimento em infraestrutura de rede, se vender todos os lotes, a expectativa é de R$ 163 bilhões”, coloca.

O superintendente também rebateu questionamentos levados pelo ministro do Tribunal de Contas, Aroldo Cedraz, de que o leilão teria “erros grosseiros” e prejuízo de R$ 101 bilhões. “Se fosse mais de R$ 100 bilhões, seria o leilão mais caro do mundo. E eu falo com certeza – não é hipótese – que resultaria em um certame completamente deserto”, afirmou Balbino, comparando ainda o valor econômico total do edital do 5G com outros editais de frequência.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP RSS Plugin on WordPress
Sair da versão mobile