Altice reestrutura PT Portugal e elimina 30 cargos de direção

A francesa Altice, que comprou os ativos portugueses da Oi por 7,4 bilhões de euros, decidiu reestruturar a operação da PT Portugal, que resultará na extinção de 30 cargos de diretoria. As informações estão sendo veiculadas pela imprensa portuguesa, que tiveram acesso ao memorando enviado aos sindicatos e comissão de trabalhadores da PT Portugal.

São esperadas mais alterações nas empresas que compõem a PT Portugal – são cerca de vinte companhias operando em Portugal. Até o momento, o que se sabe é que a Altice garantiu que permanecerão as operações da Meo (que reúne os serviços de telefonia fixa, móvel, banda larga e TV), a PT Inovação, a PT ACS (serviços de saúde e sociais) e a Fundação PT.

Em entrevista ao português Diário Económico, o chairman da PT, Armando Pereira, afirmou que demissão coletiva não está nos planos da companhia ou mesmo redução de salários, mas admitiu que os trabalhadores podem ser convidados a mudar de funções, o que eventualmente poderia resultar na saída de pessoal num contexto de negociação.

A nova estrutura da PT Portugal, segundo a Altice, deve ser apresentada até setembro.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.