Net já apresentou à Anatel novo acordo de acionistas

A Anatel, em declarações de seu presidente João Rezende, já acabou revelando que a Net Serviços tem planos de expandir seus serviços de oferta de TV por assinatura a pelo menos mais 50 cidades, algumas delas onde já oferece banda larga e voz em redes construídas pela Embratel. Mas até agora as licenças do Serviço de Acesso Condicionado (SeAC) da Net ainda não saíram. Segundo apurou este noticiário, o problema estava nas licenças do Serviço Especial de TV por Assinatura (conhecido como TVA, e operados na faixa de UHF) controladas pela Globo. A solução para isso é o afastamento completo do grupo Globo do controle da Net, o que deve acontecer por lei até o dia 12 de setembro, mas que já foi exigido pela Anatel na anuência prévia para que a Embratel assumisse o controle da operadora. Segundo fontes da agência, Embratel e Globo já encaminharam uma proposta que deve ser analisada pelo Conselho da Anatel nas próximas semanas. Basicamente, a proposta é que a Globo se afaste do conselho da Net Serviços e perca todos os direitos de veto sobre a operação de TV por assinatura. O único poder de veto mantido pela Globo seria em questões de programação e empacotamento, que seriam exercidas não em reuniões do conselho, mas em reuniões prévias entre os acionistas.

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.