WeDo oferece gestão de interconexão para teles

A WeDo Technologies, empresa de origem portuguesa conhecida por suas plataformas de garantia de receita e de combate à fraude para operadoras de telecomunicações, está com um novo produto em oferta na América Latina: uma solução de gestão de acordos de interconexão. A plataforma se chama NetClarus e foi herdada da Connectiv, empresa norte-americana adquirida pela WeDo no ano passado.

A NetClarus gerencia automaticamente as melhores rotas a serem utilizadas a cada chamada, otimizando o uso dos acordos de interconexão de uma operadora. Sua adoção pode render uma economia de 10% a 15% nos gastos com interconexão, informa Bárbara Gurjão, vice-presidente de marketing e vendas da WeDo para América Latina. A WeDo se propõe a dividir o risco com as teles, ganhando uma participação em cima da economia proporcionada. Por enquanto, nenhuma operadora da região adquiriu a plataforma. Nos EUA, a solução é usada por operadoras como Verizon Wireless, T-Mobile, Cricket, US Cellular, dentre outras.

Roaming internacional

Outra novidade no portfólio da WeDo é a sua plataforma de gestão de contratos de roaming internacional. Através da web, é possível adicionar contratos e gerir as tarifas, fazendo inclusive simulações de resultados. A Oi foi a primeira a adotá-la no Brasil. "Só 7% dos brasileiros que viajam para o exterior realizam chamadas em roaming. Na Europa, são 25%", comenta Bárbara. A executiva explica que a plataforma pode eliminar parte dos gastos que as operadoras têm hoje com clearing houses e que tal plataforma pode ser especialmente útil diante da realização da Copa e das Olimpíadas no Brasil, quando o país receberá muitos turistas estrangeiros.

A WeDo Technologies projeta alcançar uma receita anual de US$ 100 milhões em 2015, sendo 25% proveniente da América Latina. Além das plataformas de garantia de receita, fraude e gestão de acordos de interconexão e roaming internacional, a empresa oferece ferramentas de gestão de comissionamento, gestão de cobrança e gerenciamento de valor de assinante (CVM, na sigla em inglês).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.