Leilão de 5G é factível em meados do segundo semestre, diz presidente da Anatel

Foto: Christoph Scholz

Com edital em fase de avaliação no Tribunal de Contas da União (TCU), o leilão de 5G brasileiro deve ser realizado em meados do segundo semestre, afirmou o presidente da Anatel, Leonardo Euler, durante o primeiro dia do TELETIME Tec promovido nesta segunda-feira, 24.

Na ocasião, o prazo foi descrito como factível, ainda que a dificuldade de apontar uma data exata tenha sido destacada pelo chefe da reguladora. "É difícil dizer como serão as eventuais recomendações do TCU. A depender das determinações, terá um impacto no timing, mas depende do alcance das mudanças", avaliou Euler.

Durante o debate, o presidente também abordou a possibilidade de o edital contar como obrigações de cobertura em escolas, conforme desejo manifestado pelo TCU. Segundo Euler, políticas públicas para conectividade na educação "não deveriam ficar limitadas ao edital de 5G", sob o risco de se tornarem pouco assertivas.

Notícias relacionadas

Neste sentido, o presidente destacou a necessidade de trabalho conjunto com outras instituições, sobretudo o Ministério da Educação (MEC). Em paralelo à conectividade, iniciativas de capacitação de profissionais e estudantes e produção de conteúdo digital deveriam ser pensadas para viabilizar a inclusão digital na área.

"Para além da conectividade tem uma série de outras questões", argumentou Euler. Uma análise de TELETIME sobre o 5G e políticas para educação pode ser conferida aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.