Chegada do 4G desafogará rede 3G, prevê Paulo Bernardo

Para o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, a chegada do 4G ao Brasil vai desafogar as redes 3G e beneficiar os usuários de internet móvel no País. De acordo com nota da Agência Estado, o ministro afirmou, após visitar a sede brasileira da rede social Facebook, que a nova tecnologia oferecerá velocidade, para troca de dados, dez vezes mais rápida do que a disponível nos serviços oferecidos hoje. E, por isto, “parte dos usuários vai migrar para 4G e, consequentemente, desafogar a banda 3G”, disse o ministro.

Notícias relacionadas
Segundo ele, a intenção do governo após a licitação é assinar os contratos com os vencedores do certame já em agosto, para que o serviço entre em operação em maio de 2013 nas cinco capitais que sediarão a Copa das Confederações, na metade do próximo ano.

Paulo Bernardo também descartou a hipótese de as recentes queixas das operadoras às regras do edital do 4G serem um entrave ao leilão. A Anatel tem até o dia 5 de junho para julgar as impugnações das teles. "Se tiver reclamação procedente, certamente faremos alterações, mas elas serão poucas porque o leilão foi muito bem discutido”.

Bernardo voltou a dizer que a concorrência no leilão das faixas de 2,5 GHz e 450 MHz será grande, especialmente com relação aos lotes de alcance nacional. “Entre os nacionais, todos serão vendidos, porque haverá uma disputa muito dura”. Já em relação aos lotes regionais, o ministro aventou a possibilidade de haver novas interessadas, citando como exemplo a operadora Sunrise.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.