TIM será protagonista em aquisição da Oi Móvel, afirma CEO

CEO da TIM, Pietro Labriola

Participando da apresentação do plano industrial 2021-2023 da Telecom Italia, o CEO da brasileira TIM, Pietro Labriola, afirmou que a empresa será a "protagonista" da compra do negócio móvel da Oi.

"A consolidação no mercado brasileiro está finalmente se tornando realidade. Esperamos que ela promova um cenário competitivo mais equilibrado, reduzindo o atual gap de espectro entre os players", afirmou o executivo, em evento online ao lado da direção da matriz italiana nesta quarta-feira, 24.

"Neste contexto, a TIM Brasil vai ser protagonista, consolidando a maioria dos ativos da Oi", completou Labriola. A empresa espera receber 14,5 milhões de clientes, 7,2 mil sites móveis e 49 MHz de espectro.

Notícias relacionadas

Investimentos

Labriola reiterou que, ao longo de 2021, recursos de opex e capex serão aportados como preparação para a absorção dos ativos – como anunciado pela empresa nesta última terça-feira, 23. Com aprovações no Cade e Anatel sendo obtidas, a previsão é que a integração de clientes da adquirida termine no fim 2022.

Um efeito positivo nas receitas e Ebitda do grupo é projetado a partir deste momento. A absorção dos ativos da Oi Móvel é considerada fundamental nas projeções da TIM no triênio 2021-2023; ao mesmo tempo, os resultados do Brasil devem puxar o crescimento da Telecom Italia durante o período.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.