MVNO brasileira contrata fornecedora de gestão de chips em cloud

A empresa de cloud Pareteum Corporation assinou contrato com uma operadora móvel virtual (MVNO) no Brasil para fornecer plataforma de gestão de SIMcards na nuvem a partir do segundo trimestre deste ano. Segundo a companhia, que não identificou a tele contratante, uma comissão será recebida por usuário, além do pagamento mensal pelo uso do produto. Assim, espera adicionar US$ 1 milhão às suas receitas em um período de 36 meses.

Em comunicado à imprensa nesta quarta-feira, 24, a Pareteum diz que a MVNO não identificada adiciona "centenas de milhares" de SIMcards por ano para o consumidor final brasileiro. A ideia é que, ao usar a plataforma de comunicações como serviço (CPaaS, na sigla em inglês), a tele possa começar a vender chips também em outros países. "Usuários finais poderão adquirir cartões móveis globais além da fronteira em lojas de varejo pelo Brasil e outros países sul-americanos, além dos Estados Unidos", diz a fornecedora.

A Pareteum diz ainda que o acordo com a MVNO é uma "forte evidência" das oportunidades na região da América Latina, "e o Brasil em particular". E espera que a operadora possa atuar com "milhares de assinantes por mês" por meio da plataforma de gestão em cloud.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.