46% dos donos de iPhone 4 na Europa e EUA acham que aparelho é 4G

As operadoras terão dificuldade em explicar aos consumidores o que é a quarta geração (4G) de telefonia celular, cujo leilão de licenças no Brasil deve acontecer este ano. Uma pesquisa realizada pela consultoria Analysys Mason com 7,5 mil pessoas em seis países da Europa e nos EUA revela que pouco mais de 50% delas não tem certeza de qual é a geração do celular que possui. Pior: algumas se confundem por conta das campanhas de marketing dos fabricantes, que misturam números dos modelos com os números usados para as gerações das redes de telefonia móvel. Por exemplo, 28% dos usuários de iPhone entendem que seu aparelho acessa redes 4G, o que não é verdade para nenhum modelo lançado pela Apple até agora. No caso específico do iPhone 4, 46% dos usuários acham que ele é 4G.

Notícias relacionadas
Na avaliação da Analysys Mason, as operadoras que lançarem redes de 4G precisarão focar em diferenciais como melhor alcance indoor, maior velocidade de tráfego de dados e maior qualidade na transmissão em movimento, para que o consumidor entenda o que é essa novidade.

Outros dados

Batizada de "Connected Consumer Survey 2012", a pesquisa também apurou que os entrevistados são expostos a serviços de telecomunicações e mídia por 8,8 horas por dia, em média; que 46% daqueles que possuem celulares tradicionais não pretendem migrar para smartphones; e que 91% dos donos de tablets realizam streaming de vídeo para seus terminais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.